Como não comprar gato por lebre no caso de um dos vinhos mais famosos do mundo

Em nosso mais recente post, contamos sobre o aniversário do Julgamento de Paris, quando o Chateau Montelena e o Stag’s Leap foram preferidos pelos próprios juízes franceses entre vinhos de Bordeaux e Borgonha. O Chateau Montelena tem um rótulo icônico, que até filme já virou (Bottleshock ou Julgamento de Paris), mas o Stag’s Leap é um rótulo menos conhecido. E o mais curioso, é que Stags Leap (sem o apóstrofe é o nome de uma AVA da Califórnia) e significa em português “salto do veado”. Não bastasse isso existem 2 vinícolas quase com o mesmo nome e que podem equivocar os mais desavisados.

Curiosamente, as 2 vinícolas foram fundadas na década de 70 no distrito de Stags Leap em  Napa Valley. Querendo honrar a área onde suas uvas eram cultivadas, cada uma adotou o nome do distrito como o nome de sua adega. Até aí tudo bem, o problema começou quando uma delas ganhou uma competição internacional e a outra não.

A coisa ficou tão complicada que a briga chegou à Suprema Corte da Califórnia que determinou que já que ambas as vinícolas foram fundadas ao mesmo tempo na mesma área e lançaram seus vinhos no mesmo ano, 1972, ambas teriam o direito de usar o mesmo nome. A solução dada pelos juízes: uma vinícola usaria um apostrofe antes do (s) e a outra depois.

stag 166250

Após o processo resolvido, os proprietários das vinícolas se tornaram amigos, lançando em 1985 um Cabernet Sauvignon com igual percentual de uvas de cada propriedade sob o nome “Accord”.

Hoje as 2 vinícolas produzem vinhos deliciosos e têm uma bela distribuição. Pelo menos nos EUA. E se você estiver por lá e quiser provar o que é representativo de cada uma, para a Stag’s do Julgamento de Paris procure o Cabernet S.L.V. e para a Stags’ procure o renomado Petite Syrah. Cheers!

maxresdefaultDSC_0805

 

Fonte: You may not be drinking the famous Stags Leap wine you think you are drinking

Anúncios